TPR – Total Physical Response


Hello, What’s up fellas? I’m fine thanks for asking. Do you know what TPR means? No? So today I’ll explain what it is and how you can use it to improve your English knowledge.

Então , inicialmente não confundir TPM com TPR, apesar da quase semelhança na escrita são coisas totalmente diferentes … rsrsrsr

Falando sério agora, não que não estava falando antes, mas, TPR – Total Physical Response, precisa traduzir? Acho que não, mas vamos lá, seria algo como Resposta Física Total. Este método foi criando lá por volta de 196x alguma coisa, mas veio a tornar-se famoso em 1970.

Total Physical Response (TPR) é um método desenvolvido pelo Dr. James J. Asher, professor emérito de psicologia na San José State University, para auxiliar a aprendizagem da segunda língua. O método se baseia no pressuposto de que ao aprender uma segunda língua ou adicionais, a linguagem é internalizada por um processo de quebra de códigos similares para o desenvolvimento da linguagem em primeiro lugar e que o processo permite um longo período de escuta e compreensão antes de desenvolver a produção.

Resumindo, os estudantes respondem a comandos que exigem movimentos físicos.

De acordo com Asher, TPR é baseado na premissa de que o cérebro humano tem um programa biológico para adquirir qualquer língua natural da terra – incluindo a linguagem gestual dos surdos. O processo é visível quando observamos como as crianças internalizam sua primeira língua. Asher, olhou para a forma como as crianças aprendem a sua língua materna. A comunicação nativa entre pais e filhos combina os aspectos físicos e verbais. A criança responde fisicamente ao discurso de seu pai. As respostas da criança por sua vez estão positivamente reforçado pelo discurso do pai. Durante muitos meses, a criança absorve a língua sem ser capaz de falar. É durante este período que a quebra de internalização e de código ocorre. Após esta etapa a criança é capaz de reproduzir a linguagem espontânea. Com o TPR o professor tenta imitar esse processo em sala de aula. O método também promete eficiência dobrada em termos de taxa de aprendizagem.

Simples né? Para quem já teve a oportunidade de conhecer o método Effortless do A.J Hoge, sabe que ele também trabalha bastante em cima de TPR, pois queira ou não o aprendizado tende a ser absorvido mais rapidamente.

Vamos mostrar um exemplo de como seria uma aula utilizando o TPR.

Professor fala para um aluno:

Stand up

(o aluno levanta-se)

Point to the door

(o aluno aponta para a porta)

Look at the window

(o aluno olha para a janela)

Walk five steps to the wall

(o aluno anda cinco passos em direção à parede)

Touch your head

(o aluno coloca a mão na cabeça)

E por ai vai, deve-se inicialmente utilizar ações curtas para que o aluno possa assimilar e com o tempo passa-se para ordens mais complexas.

Viram como é simples, aprender qualquer idioma utilizando-se do TPR? Vejam, não é nenhum conceito revolucionário, nem nada, ele foi desenvolvido, alias, diria aprimorado em 1970, estamos em 2011 em todo este tempo pelo que já vi nenhum escola de idiomas utiliza este métodos, todas preferem deixar os alunos de cara enfiada em livros fazendo tradução palavra-a-palavra do Português para Inglês e vice versa.

Posso garantir que este TPR realmente dá certo, pois eu utilizo a minha filha como cobaia, o aprendizado é bem melhor, pois não tenho que falar para ela que stand up significa fique em pé, ai ela anota no caderno e 4 horas depois já esqueceu. Se eu praticar com ela a ação corporal, “automagicamente” ela já deixa gravado que stand up é para ficar em pé.

Fica aqui a dica, quer desejar saber mais, google TPR existem vários materiais prontos, para ajudar a aplicar esta metodologia.

Aqui vai um exemplo da Margaret Silver, Barbara Adelman and Elisabeth Price

Até mais membros do conselho.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s